Descubra a Diferença entre Sistemas de Cloud: Privada, Pública e Híbrida

Saiba reconhecer as características de cada uma delas e entenda qual delas é a melhor opção para você 

João Victor Soares, Cloud Architect.

João Victor Soares, Cloud Architect.

Buscar a melhor alternativa em termos de sistema de cloud é uma tarefa que requer muito planejamento e a resposta sobre qual é a melhor opção varia de companhia para companhia. Antes de tudo, é preciso levar em consideração uma série de fatores, como o tipo de dado que vai transitar pelas vias de conexão e, também, qual é capacidade de investimento disponível.

Outro item de fundamental importância é a questão da segurança. Nem sempre a opção com maior custo é aquela que vai proporcionar a maior proteção dos dados de forma direta. Por isso, é bom não facilitar: em situações como essa, buscar uma empresa com ampla experiência e comprovada competência no ramo de atuação é a melhor maneira de garantir que você não vai enfrentar problemas no futuro.

Mas você sabe dizer quais são as diferenças, as vantagens e as desvantagens entre clouds públicas, privadas e híbridas? Neste artigo, falamos um pouco sobre cada uma delas para que você possa ter subsídios para entender qual das opções é a mais interessante para o seu negócio.

Sistema de Clouds públicas

As clouds públicas são as mais indicadas para empresas de pequeno porte, como micro e pequenas empresas, além de startups. A principal vantagem delas em relação às demais é o relativo baixo custo ou nenhum em aquisição de equipamentos (CapEx). Aliado isso, leve em consideração que a implantação delas é bastante simples e rápida, o que dá muito mais agilidade ao processo.

A alocação dos serviços é feita em servidores externos. Entretanto, mesmo com essa característica não há riscos de segurança para os dados da sua empresa. Entre as suas principais aplicações, os principais destaques ficam por conta para hospedagem de sites, serviços de e-mail, e armazenamento de dados.

Sistema de Clouds privadas

A partir do momento que a complexidade das aplicações aumenta, as clouds públicas deixam de ser a melhor opção e dão lugar às chamadas clouds privadas. Elas requerem um pouco mais de investimento para implantação, mas proporcionam um tempo de resposta muito mais ágil. O foco da cloud privada é  o suporte a um grande volume de demandas, estar em conformidade com normas e legislações sobre armazenamento de dados e possibilitar um total controle da infraestrutura de nuvem por parte da empresa.

Em termos de segurança, também estamos falando de um nível mais alto de proteção das informações. Para ter acesso aos dados a partir de um ambiente externo, será preciso ter privilégios de acesso padrão AAA (Authentication, Authorization and Account), o que dificulta significativamente a ação das pessoas mal-intencionadas. Em outras palavras, é como se você tivesse uma verdadeira fortaleza dentro da sua empresa.

Toda essa infraestrutura é alocada dentro da própria empresa, fisicamente falando. Essa característica, por razões óbvias, gera um custo mais alto, uma vez que estamos falando não apenas de integração via software, mas também da montagem do hardware, com servidores dedicados e demais equipamentos conversando com ele, infraestrutura física, elétrica, de refrigeração, além de uma equipe de operação e suporte especializada.

Clouds híbridas

E que tal se você pudesse unir o melhor dos dois mundos? Isso é possível por meio das chamadas clouds híbridas. Como o próprio nome indica, ela mistura elementos de mais de uma estrutura, permitindo à empresa gerenciar uma estrutura mais flexível e sob medida para cada tipo de serviço.

Em outras palavras, você pode manter em sua cloud privada dados e aplicações mais críticas de seu negócio, possuir uma ambiente mais flexível em uma cloud pública para aplicações de uso geral, como web sites e armazenamento de archive e conectá-los entre si por meio de conexões dedicadas e diretas, como uma VPN. Em linhas gerais, esse modelo é considerado o ideal, mas obviamente ele implica em maiores custos se comparados aos outros individualmente.

A quantidade de recursos ofertada nessa modalidade é bastante extensa, contudo isso não significa que ela seja perfeita ou isenta de problemas. Por mesclar os dois tipos de clouds – pública e privada – sua implantação é também mais cara do que ambas, tornando-se viável apenas para empresas de médio porte para cima ou com boa capacidade de investimento.

Cautela e proteção

Em termos de segurança é preciso redobrar a atenção no caso das clouds híbridas. Como dito anteriormente, clouds privadas costumam conter dados e aplicações mais críticas ou que devam permanecer somente nesse ambiente por razões legais. Contudo, se a conexão entre as clouds pública e privada não for eficaz, esses dados podem ser interceptados no meio do caminho e é aí que mora o perigo.

Por conta disso, as empresas que implementam esse tipo de serviço devem ser amplamente qualificadas e garantir para o seu cliente um alto grau de segurança. É recomendável ainda que existam investimentos adicionais em proteção e monitoramento para evitar invasões.

A melhor escolha: depende

Pelo panorama geral exposto acima, você já pode ter uma ideia de como cada tipo de rede se adequa às necessidades de um negócio. Tendo isso em mente, é importante discutir com o seu setor de TI quais são os planos de expansão de médio e longo prazo e, a partir disso, buscar as opções que se mostrem mais adequadas, tanto em termos técnicos quanto financeiros. Conheça as novidades que podem ser encontradas no lançamento do Grupo Binário, o Binário Cloud que tem essas e outras facilidades para quem trabalha com esse segmento.

descubra a melhor rede de sistemas para sua empresa

 

No Grupo Binário, sua empresa tem a disposição nossas equipes comerciais que darão todo apoio e suporte técnico necessário na hora de elaborar um projeto, listando de forma detalhada os itens compreendidos no custo bem como os passos que devem ser tomados para a completa implantação e manutenção dos serviços. Em caso de dúvida, não deixe de consultar-nos antes de tomar a sua decisão.

No Comments

Leave a Comment

Please be polite. We appreciate that.
Your email address will not be published and required fields are marked