Nos próximos 2 anos: Gastos de TI com tecnologias móveis devem aumentar 54%

Marcela Rodrigues é gerente Comercial da BinarioMobile

Marcela Rodrigues é gerente Comercial da BinarioMobile

Os gastos de TI com tecnologias móveis devem aumentar mais de 50% nos próximos dois anos. Este dado foi revelado em estudo recente realizado pela CIO Strategic Marketing Services e Triangle Publishing Services e patrocinado pela Oracle. A pesquisa entrevistou 414 executivos de TI de vários países e revelou que à medida que as organizações aderirem à mobilidade, aumentará também o índice de desenvolvimento, implementação e despesas para comportar aplicativos e dispositivos móveis.

O levantamento mostrou que hoje as áreas de TI registram um gasto médio de US$ 157 por dispositivo, por funcionário. A expectativa é que esse custo chegue a US$ 242 nos próximos dois anos, o que representa um aumento de 54%.

Nenhuma outra tecnologia teve ascensão tão rápida quanto a dos dispositivos móveis conectados aos sistemas empresariais. Com a mobilidade, as empresas enfrentam pressões vindas de seu público interno para aumentar a produtividade e dos seus clientes, que precisam suprir suas necessidades e demandas. Sendo assim, as companhias precisam se desdobrar para acompanhar o acelerado ritmo de desenvolvimento dos aplicativos, que seguem a todo vapor.

A segurança continua sendo a principal preocupação, especialmente, na hora de adotar o modelo “traga seu próprio dispositivo” (BYOD, na sigla em inglês) nas empresas. Entre os entrevistados, 93% citaram a perda de dados e outras falhas de segurança relacionadas a dispositivos móveis.

As empresas estão recorrendo mais à gestão centralizada em vez de deixar a segurança por conta dos usuários. De acordo com a pesquisa, nos próximos dois anos, as organizações estarão mais focadas na criptografia de dados de dispositivos (10% a mais do que hoje), na centralização das atualizações e solução de falhas (11% mais), na limpeza remota dos dados (11% mais) e no bloqueio de recursos (18% mais).

A pesquisa revelou ainda que embora 29% do tempo de desenvolvimento de TI seja dedicado aos aplicativos móveis de front-end, mais de 70% do tempo é gasto na integração, segurança, testes de garantia de qualidade e trabalho de design.

Na pesquisa foi possível observar que a adoção de tecnologias móveis está ganhando uma importância cada vez maior nas companhias, e essas têm reconhecido que os aplicativos são uma nova maneira de desenvolver e manter relacionamento com os clientes.

 

Listei abaixo outros pontos do estudo:

– Os aplicativos móveis mudam continuamente. De acordo com a pesquisa, 35% das empresas de médio e grande porte atualizam seu portfólio de aplicativos mensalmente, enquanto outros 34% os atualizam a cada trimestre. Mais de quatro quintos (82%) dos entrevistados esperam que esses índices aumentem nos próximos dois anos.

– Os entrevistados indicaram que uma parcela correspondente a 44% do seu portfólio de aplicativos é desenvolvida internamente;

– Para 75% dos participantes da pesquisa, a nuvem/nuvem híbrida é “relativamente importante” ou “muito importante” para a implementação de aplicativos móveis. As tecnologias de Cloud Computing incluem PaaS (Plataforma como Serviço) e uma plataforma de aplicativos empresariais móveis com base na nuvem;

– Segundo 84% dos entrevistados, vendas e marketing, bem como os clientes, são os stakeholders de maior influência nos aplicativos móveis hoje em dia, seguidos pela área de TI, como apontam 82% dos participantes.

 

Fontes:

http://bit.ly/1tWldeK

http://bit.ly/V1hxcM

 

Nos próximos 2 anos: Gastos de TI com tecnologias móveis devem aumentar 54%
Avalie este post

Posts Relacionados:

No Comments

Leave a Comment

Please be polite. We appreciate that.
Your email address will not be published and required fields are marked