Notícias

Mobilização dos softwares de gestão impulsiona negócios da Binario



Empresa aposta na disseminação dos tablets no ambiente corporativo

O crescente interesse das empresas em levar os sistemas de gestão (ERPs, CRM e BI) para os dispositivos móveis e a disseminação dos tablets no ambiente corporativo estão impulsionando os negócios da Binario Mobile, empresa especializada em soluções móveis para o mercado corporativo e na gestão de dispositivos móveis. Segundo Rony Pedroso, gerente de Desenvolvimento de Novos Negócios do Grupo Binário, o braço de mobilidade encerra este ano com uma receita duas vezes superior à registrada no ano passado.

As perspectivas são ainda mais otimistas para 2012, embora a taxa de crescimento possa não ser tão expressiva porque parte de um patamar mais alto. Segundo o executivo, o atual momento da empresa é marcado pela forte demanda dos clientes por garantir mobilidade aos sistemas de gestão, como forma de agilizar a tomada de decisões e reduzir custos. “Processos de aprovação, por exemplo, não podem mais esperar até que o executivo chegue ao escritório ou conecte-se pelo notebok”, explica Pedroso.

Ele conta que os tablets, embora ainda tenham pouca representatividade no universo de dispositivos sob gestão da Binário, acenam com grandes perspectivas de negócios. “As empresas começam a se dar conta da infinidade de aplicativos que podem colocar no dispositivo. A tendência é ir muito além do que faziam no smartphone” diz. Outra tendência que favorece os negócios da Binario Mobile é a entrega de dispositivos móveis para as camadas mais baixas da pirâmide hierárquica. “Smartphone não é mais prerrogativa dos altos executivos”, conta.

Segundo Pedroso, este ano a empresa deu prioridade às parcerias com as operadoras móveis para alavancar o crescimento. No atendimento aos clientes corporativos, a Binario Mobile entra com softwares e serviços, incluindo a gestão dos dispositivos, enquanto as operadoras vendem a conectividade e entregam os aparelhos. Para 2012, o plano é estreitar o relacionamento com empresas integradoras, que vendem serviços de integração de redes e sistemas, mas não oferecem soluções de mobilidade.



Publicado em: 24/11/2011

Link: http://www.mobilidadeenegocios.com.br/noticia.php?id=1116